Df Projetos, arquitetura e design de interiores

ARTIGOS

artigos, que falam de grandes artigos Digo-lhes hoje, meus amigos, embora nos defrontemos com as dificuldades na arquitetura, de hoje e de amanhã, que eu ainda tenho um sonho. E um sonho profundamente enraizado num sonho transformador.

Dicas de como cuidar dos moveis de madeira!

MÓVEIS DE MADEIRA NOBRE

“São aquelas com elevadas durabilidade natural, bom aspecto geral, cheiro agradável ou ausência de cheiro e elevada estabilidade em todos os sentidos. Das madeiras ditas nobres,

moles ou macias,  as mais usadas no Brasil são: AMENDOIM, Cedro, imbuia, cerejeira, freijó, mogno, utilizadas para fabricação de móveis finos. As madeiras nobres duras têm alta resistência estrutural e são usadas tanto na construção de casas, como para obras de engenharia em que suas qualidades são imprescindíveis. As mais conhecidas são: angico, cumaru, garapa, ipê,  itaúba, jatobá, maçaranduba, jatajuba, jarana, pau roxo,  sucupira,  etc.” (madeiranobre.com.br)

Dicas de como cuidar dos moveis de madeira!

Vai que você herdou da vovó, um ou vários daqueles móveis que tanto lembram a tua infância. E para tua sorte, eles estão em bom estado, bem cuidados apesar do tempo. É que a madeira nobre tem uma vida de longo prazo, mas também não pode deixá-los sem cuidados. Tenho algumas sugestões que são bem legais:

 

#1 – ARRANHOU?

Para um arranhão mais aparente, você pode usar uma pomada para calçados que seja o mais próximo da cor. Também para pequenos riscos, como os causados por canetas, dá para aplicar essas pomadas que já vêm com aplicador.

 

#2 – SOL

Muito cuidado para não deixar os móveis expostos ao sol para não descolorir, a menos que queira uma peça envelhecida.

 

#3 – UMIDADE

Mantenha-o afastado da parede pelo menos uns 7 cm, para que não sofra com a umidade que possa ter no local.

 

#4 – PROTEÇÃO

Ao servir uma refeição, proteja sempre a mesa com uma toalha, sem esquecer de colocar o descanso para travessas, para que o calor não manche seu móvel.

 

#5 – MARCA DE COPO

Muito cuidado na sua mesa de centro, ao servir algum drink, proteja sempre com um porta copo (bolacha) porque com certeza deixará marcas. Mas tem solução caso aconteça:

 

dica-da-vo-mancha-de-copo-na-madeira-maionese

 

#6 – CERA DE VELA

Aí você preparou aquele jantar romântico à luz de velas e pimba, caiu no móvel… aiaiai… mas é fácil, basta deixar esfriar, aplique gelo e raspe com uma espátula de plástico, resolvido o problema.

 

#7 – PRODUTOS ABRASIVOS

Nunca use produtos abrasivos como saponáceo, esponja de aço ou algo que possa aranhar o móvel.

 

#8 – LIMPEZA DIÁRIA

Use no dia a dia uma solução de água com sabão neutro sem encharcar, apenas um pano úmido ou simplesmente uma flanela.

 

#9 – LIMPEZA SEMANAL

Os móveis de madeira devem receber um polimento a cada semana, vai protegê-los e ficarão como novos. Mas cuidado com os produtos, use sempre um de boa marca, que não contenha silicone ou álcool. Pode até preparar um em casa mesmo, com uma parte de limão e três partes de azeite.

 

#10 – LIMPEZA ANUAL

Agora para deixar tudo lindo ainda mais, o bom é dar um bom polimento pelo menos uma ou duas vezes ao ano.

 

#11 – PISO

Pisos de madeira (tipo carpete), portas e batentes também deverão ser cuidados da mesma forma. Quase sempre estão empoeirados e nem percebemos.

 

#12 – CUPIM

A descupinização só se faz necessária quando detectado um foco muito grande de cupins, sejam estes de solo ou madeira

 

MÓVEIS COM MADEIRA MDF OU AGLOMERADOS

Se você não herdou os móveis da vovó e teve que comprar aqueles modulados, que são fabricados com MDF (Medium Density Fiberboard, que significa placa de fibra de média densidade), um material oriundo da madeira, fabricado com resinas sintéticas, mas de excelente qualidade e durabilidade.

O aglomerado é composto por partículas de madeira, com a adição de cola, mais processo de prensa, originando assim as chapas de aglomerado. Por ser um material com uma densidade não muito boa seu preço é menor do que os outros painéis.

Esses móveis eles vem sem qualquer incidência de cupins, fungos ou pragas em geral. Os cuidados são:

 

#1 – LIMPEZA

Limpe com sempre seu móveis, a poeira, com o tempo, deixa a superfície fosca e sem brilho, podendo acumular nos encaixes, uniões ou qualquer outro espaço, deixando um aspecto escuro, desagradável e de difícil remoção. Com um pano limpo e macio ligeiramente umedeça com água morna (apenas o bastante para fazer aderir a poeira), passe e seque logo em seguida.

 

#2 – MANCHAS RESISTENTES

Para manchas mais resistentes, use o pano limpo umedecido com sabão neutro (não alcalino) e água, ou álcool e água (ambos em partes iguais). Seque completamente com um pano macio.

 

#3 – LUSTRAR

Lustre levemente seguindo a textura do móvel. Recomenda-se a utilização de lustra-móveis somente à base de silicone incolor, pois, além de limpar, fornece uma camada protetora.

 

#4 – NÃO UTILIZE

– Pano encharcado, o acúmulo de água causa danos ao móvel;

– Pano de louça, pode conter resíduos;

– Pano seco, além de não limpar, com o tempo desgasta o móvel;

– Lustra-móveis colorido ou cera, podem deixar resíduos, causando manchas;

– Detergentes (não neutros), limpadores instantâneos, produtos de limpeza de fornos ou a base de amônia e saponáceo, pois são produtos químicos que com certeza acabam com o acabamento do seu móvel;

– Esponjas duras, ásperas e palhas de aço, pois podem riscar e danificar os móveis;

– Contato direto com vinagre, sal e limão (substâncias alcalinas em geral), pois também podem, com o tempo, causar danos;

– Contato com materiais pontiagudos, para não riscar o móvel.

 

#5 – NÃO ARRANHE

Não arraste objetos sobre o móvel porque vai arranhar, ô se vai.

 

#6 – TOALHAS MOLHADAS

Não pendure suas toalhas molhadas, pois com o tempo vai acabar detonando seu tão amado móvel.

 

 

Parece complicado né? Mas não é não. Coloque um som na “vitrola” e manda ver, cante e dance, que o tempo passa e nem percebe que rapidinho tua casa tá ma ra vi lho sa!!!

Gostou do post? Comente!

%d blogueiros gostam disto: