Df Projetos

ARTIGOS

artigos, que falam de grandes artigos Digo-lhes hoje, meus amigos, embora nos defrontemos com as dificuldades na arquitetura, de hoje e de amanhã, que eu ainda tenho um sonho. E um sonho profundamente enraizado num sonho transformador.

Estudantes de arquitetura poderão entra de graça em museus

Estudantes de arquitetura

Os estudantes brasileiros matriculados em cursos de artes, museologia, arquitetura, audiovisual, música, design e moda poderão ter o benefício da entrada gratuita nos museus e demais instituições museológicas do Sistema






Brasileiro de Museus. Essa é a proposta do ex-senador Inácio Arruda e da senadora Vanessa Grazziotin (AM), ambos do PCdoB, apresentada por meio do Projeto de Lei do Senado (PLS) 49/2014, que pode ser votado na reunião da Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) na terça-feira (15), às 11h. Estudantes de arquitetura




O projeto acrescenta artigo à Lei 11.904/2009, que criou o Estatuto dos Museus, para determinar que o “acesso às instituições museológicas participantes do Sistema Brasileiro de Museus é gratuito aos estudantes de artes, museologia, arquitetura, audiovisual, música, design e moda”. Estudantes de arquitetura

Os autores do projeto argumentam que os museus são “equipamentos culturais tradicionais” e “espaços privilegiados para a formação humanista”. O Brasil assegura, constitucionalmente, dizem os autores na justificativa do projeto, que o Estado garantirá a todos o pleno exercício dos direitos culturais e acesso às fontes da cultura nacional, o que leva à necessidade de facilitar o acesso aos museus.

“Assim sendo, é primordial que as instituições museológicas abram, prioritariamente, seus acervos aos estudantes das áreas de artes, particularmente a musical, a visual e a audiovisual, mas também aos acadêmicos de design e de moda. São esses os futuros mediadores do acesso à cultura comunicada pelos museus, seja como professores, seja como técnicos ou artistas”, afirmam Inácio e Vanessa Grazziotin na justificativa do projeto.

De acordo com eles, mais de 65% dos municípios com população entre 20 mil e 100 mil habitantes ainda não possuem museus.

O PLS 49/2014 tramita em caráter terminativo na CE, onde recebeu voto favorável à aprovação do relator, o senador Donizeti Nogueira (PT-TO). O relator também apresentou emenda determinando que a comprovação do direito à gratuidade será feita por meio de documento de matrícula em um dos cursos relacionados no projeto.

Sabatina

Antes das votações, os senadores que integram a CE sabatinam a advogada Débora Regina Ivanov Gomes, indicada pela Presidência da República para a direção da Agência Nacional do Cinema (Ancine).



A relatora da indicação na CE, senadora Marta Suplicy (sem partido-SP), afirma em seu relatório que a indicada atende às exigências legais e atribuições requeridas para o cargo, tendo conhecimento e experiência suficientes para enfrentar os desafios e contribuir para o crescimento do setor. Débora Ivanov Gomes é indicada para a vaga de Vera Zaverucha.

A indicada é advogada e produtora de cinema e televisão, tendo concluído MBA em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios, pela Fundação Getúlio Vargas. Produziu mais de 60 obras audiovisuais, entre curtas, médias e longas-metragens.

É diretora do Sindicato da Indústria do Audiovisual de São Paulo e diretora do Instituto Querô, organização sem fins lucrativos, dedicada à capacitação e inserção no mercado audiovisual de jovens em situação de risco social na região portuária de Santos. Foi responsável pela produção de filmes como Até que a Sorte Nos Separe, O Lobo atrás da Porta e O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias.



Gostou do post? Comente!

%d blogueiros gostam disto: