excesso oferta e demanda

Excesso de oferta e demanda

Excesso de oferta e demanda Exemplo de excesso de oferta

Oferta de açúcar leva empresa a diminuir oferta.

Excesso de oferta e demanda As usinas de açúcar estão fazendo o que podem em 2019 para diminuir a oferta do produto para exportação, pois o mesmo está com um excesso de oferta no mercado, tornando inviável a produção do produto, por conta da baixa no preço ocasionado para oferta excessiva do mercado.

As empresas brasileiras estão diminuindo a produção ou então estocando seu produto numa tentativa de diminuir a oferta no mercado, assim obrigando o aumento no preço e na procura do produto.

Algumas usinas estão produzindo mais etanol para o mercado interno, por conta da baixa oferta e do aumento do preço deste produto, pois com os carros flex, os brasileiros, estão optando pelo combustível vegetal ante a gasolina.

Outras empresas estão optando por verde o açúcar para o mercado nacional, mais especificamente para empresas nacionais, como a Nestle, empresas de refrigerante, por um preço mais atraente do que os preços praticados pela exportação.

Para equilibrar este mercado, veremos este ano uma safra mais fraca por conta no menor plantio da cana em vários estados do pais, pois no ano de 2018 tivemos uma safra de 36 milhões de toneladas produzidas, sendo que a demanda pelo produto foi de 29 milhões de toneladas, assim sobrando uma quantidade expressiva para a próxima safra.

As empresas estão de fato iniciando renegociações de contratos firmados com seus compradores, pois os preços praticados foram modificados e os mesmos estão vendendo seu produto, mais barato do que o custo de produção.

excesso de oferta e demanda

Exemplo de excesso de demanda

Preço de do café sobre com o crescimento da demanda e a baixa produção das lavouras.

No ano de 2019 tivemos grandes problemas na produção do café em todo o pais, o Brasil como um dos maiores exportadores de café do mundo, hoje vê uma alta no preço das sacas de café, por conta da demanda do produto está muito grande em todo o pais e no mundo.

Os produtores do mercado brasileiro, se aproveitando de uma alta do dólar sobre o real, estão dando mais preferência aos mercados estrangeiros, pois estamos vendo uma alta significativa no dólar e na demanda pelo café pelo mundo inteiro, tornando mais atraente para os produtores a venda do produto para fora do país.

Hoje no Brasil estamos vendo um quarto de café comum sendo vendido nas gondolas do supermercado com ao preço de R$ 15,00 (quinze reais), e comparando com o mesmo mês do ano passado o mesmo quarto de café estava sendo vendido por R$ 9 (nove reais) um aumento para o consumidor final que inviabiliza o consumo do produto.

Mesmo assim o café como sendo um produto muito consumido no país, tende a aumentar ainda mais, pois com as variações dos mercados fora do pais estamos falando de um aumento ainda maior nos próximos meses.

Hoje no Brasil se produz 55 toneladas de café por safra, hoje temos uma demanda de 75 toneladas do produto para uso interno, tornando um o produto escasso e mais caro para o consumidor nacional e atrativo para exportação para por conta de preços e lucratividade mais atraente para o produtor de café.

excesso de oferta e demanda de produção

Gostou do post? Comente!